Microsoft fechará todas as suas lojas físicas em breve

104 0
Microsoft
sapmogo-mobile-2.gif

A Microsoft anunciou que fechará todas as suas lojas físicas, as Microsoft Stores, em detrimento do mercado online que será potenciado pela marca, deixando para outras lojas de retalho parceiras a função de vender os seus produtos.

Este desinvestimento deve-se à intenção de a gigante norte-americana apostar tudo nas suas lojas online, tendo como objetivo crescer nesta frente, atingindo já, segundo a mesma, 190 mercados.

Enquanto que as lojas online serão uma prioridade, as vendas serão também direcionadas através do Windows 10 e da Xbox, as duas principais plataformas da empresa.

Segundo a fonte, vários espaços serão reabilitados, como os Microsoft Experience Center em Londres, Nova Iorque ou Sydney, com o propósito de “servir todos os clientes”.

Quanto aos trabalhadores dessas lojas, a Microsoft garante que estes terão a oportunidade de trabalhar noutras áreas da empresa, continuando a ser treinados e podendo subir nos quadros da mesma através das vendas online.

Isto veio a ser confirmado por Todd Haselton, da CNBC, através da rede social Twitter:

O fecho das suas lojas físicas resultará em perdas a rondar os 450 milhões de dólares (aproximadamente 401 milhões de euros), que representa $0,05 por ação da empresa, e serão contabilizadas neste trimestre, com fecho a 30 de junho, com o objetivo de diminuir perdas futuras de valor de mercado.

Siga toda a atualidade tecnológica no Life Patch.


Fonte: Windows Central

Eduardo Silva

Eduardo Silva

Jurista muito interessado em tecnologia que gosta de escrever sobre a atualidade e partilhar a sua opinião. Comummente encontrado também em festivais de música na zona Norte de Portugal.

Deixe uma resposta