iPhone 12 e 12 mini: reparações vão ficar ainda mais rápidas

413 0
iPhone 12

Apesar da Apple ser uma marca que fabrica produtos de qualidade como o iPhone 12, ainda assim, eles estão suscetíveis a defeitos – especialmente quando falamos de telemóveis mais antigos com alguns anos de uso. Geralmente, quando enviamos um iPhone para reparação, os técnicos analisam o problema e, grande parte das vezes é necessário substituir o aparelho por completo, o que acaba por tornar o custo desse tipo de serviço mais elevado além de impactar no prazo de espera para que o reparo seja finalizado.

Contudo, graças às novas políticas da Apple, a reparação de alguns componentes como, por exemplo, o Face ID, agora poderão ser feitos sem a necessidade de substituir o aparelho por outro. Num documento interno enviado para os Centros Autorizados de Reparo e Apple Stores a gigante de Cupertino informou nesta terça-feira (16) sobre as mudanças.

iPhone 12
Técnicos vão poder substituir alguns componentes sem trocar o telemóvel por um novo

Técnicos terão acesso a um novo método que permite que a reparação de telemóveis da série iPhone 12 sejam feitos sem a necessidade de substituição do aparelho por um novo. A documentação detalha que será possível trocar a placa lógica, sensores do Face ID e também a traseira de vidro do iPhone. No presente momento a Apple também oferece trocas isoladas para o ecrã sem a necessidade de troca do aparelho.

Contudo, alguns componentes como, por exemplo, as câmaras, ainda não são qualificados para uma substituição isolada, dessa forma, caso um dos sensores de captura de imagem sejam afetados, faz-se necessária a substituição completa do dispositivo.

Apesar das boas notícias, infelizmente, até o presente momento, os tais “reparações mais rápidas” só estão a ser autorizados para o iPhone 12 mini e iPhone 12, a deixar de fora os modelos Pro, Pro Max e também outros iPhones de gerações passadas.

Deixe uma resposta