Apple lança iOS 13.5 para ajudar quem usa máscara facial

430 0
apple
sapmogo-mobile-2.gif

Depois de ter atualizado o seu smartwatch, eis que a Apple lança mais um conjunto de updates esta semana. Estamos a falar da versão 13.5 do iOS e do iPadOS e da 13.4.5 do tvOS. Como principal novidade, o iOS 13.5 vem facilitar e sobretudo agilizar o desbloqueio através de Face ID para quem utiliza máscara de proteção facial.

Segundo as notas desta atualização, quando o iPhone deteta que o utilizador está a usar máscara basta deslizar o dedo para cima, a partir da parte inferior do ecrã de bloqueio, para ser apresentado automaticamente o campo para introdução do código de desbloqueio. Isto significa que já não é necessário aguardar que o smartphone falhe a autenticação facial para surgir o acesso à inserção do código, como acontecia até aqui.

De realçar também a inclusão no sistema da Apple de um API de notificações de exposição ao COVID-19, que foi desenvolvido em conjunto com a Google. Quando utilizado por aplicações desenvolvidas para o efeito, este API permitirá notificar o utilizador da possibilidade de ter estado em contacto com pessoas infetadas. Infelizmente, para já, este sistema de alerta ainda não está disponível em Portugal…

O iOS 13.5 veio resolver também um problema relacionado com o ecrã de partilha, assim como incluir uma opção nas chamadas de grupo através de FaceTime que permite controlar o realce automático, de forma a evitar que os mosaicos de vídeo mudem de tamanho quando um participante fala.

Se o seu idevice ainda não o notificou deste update, pode forçar a realização do mesmo manualmente. Basta para isso aceder a “Definições”, seguido de “Geral” e por fim tocar na opção “Atualização de software”. De realçar que é necessário ter pelo menos 50% de bateria para poder atualizar o seu dispositivo, ou então ligá-lo ao carregador.

Continue a seguir o Life Patch para se manter atualizado acerca das novidades do mundo da tecnologia.

Pedro Alves

Pedro Alves

Entusiasta por tecnologia, está sempre em busca de nova informação. Amante de animais, da Lego e de Fórmula 1. Conduzir ao som de uma boa banda sonora faz parte dos seus momentos de descompressão.

Deixe uma resposta